O tenista português João Monteiro foi hoje eliminado na primeira ronda do Lisboa Belém Open, ao perder com o japonês Taro Daniel, terceiro cabeça de série, em três ‘sets’.

Primeiro dos sete portugueses a entrar em competição no novo ‘challenger’ lisboeta, o campeão nacional deu uma boa réplica ao terceiro cabeça de série e 93.º jogador mundial, mas acabou derrotado por 6-3, 4-6 e 6-2, em duas horas e dez minutos.

O ‘wild card’ português, 395.º do ‘ranking’ mundial, começou apático, entregou o seu primeiro jogo de serviço e não mais conseguiu recuperar da desvantagem, voltando mesmo a ser quebrado para perder o primeiro ‘set’ por 6-3, com uma dupla falta.

Monteiro não desanimou e, logo no primeiro jogo do segundo parcial, dispôs de dois ‘break points’, que não foi capaz de concretizar. O português perdeu o serviço no quarto jogo, mas devolveu o ‘break’ logo de seguida para levar o ‘set’ à fase decisiva.

Aí, depois de segurar o serviço com garra, evitando um ponto de ‘break’, o campeão nacional cresceu em confiança e quebrou Taro Daniel. A liderar por 5-4, o português viu o japonês pedir assistência médica, mas não se desconcentrou, para conquistar o ‘set’ por 6-4.

Com o terceiro cabeça de série em evidentes dificuldades físicas, parecia que Monteiro poderia estar à beira de se tornar na sensação da primeira jornada do Lisboa Belém Open, no entanto o 93.º jogador mundial soube contrariar os problemas na anca para se superiorizar.

Depois de três quebras sucessivas de serviço, Daniel adiantou-se finalmente para 3-1 e avançou para a vitória, facilitada pelos muitos erros do português, que voltou a ser quebrado no último jogo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.