A tenista japonesa Naomi Osaka, 9.ª do 'ranking' mundial e quarta cabeça de série, qualificou-se na quinta-feira para a final do Open dos Estados Unidos, após vencer a norte-americana Jennifer Brady (28.ª).

A japonesa bateu a norte-americana, pela primeira vez nas meias-finais de um torneio do 'Grand Slam', em três sets: 7-6 (7-1), 3-6 e 6-3.

Osaka, que venceu o torneio em 2018 e se qualificou pela segunda vez em três anos, vai defrontar no sábado a bielorrussa Victoria Azarenka (27.ª).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.