O veleiro turco-norte-americano Alvimedica, do skipper Charlie Enright, foi o primeiro a chegar a Haia, na Holanda, onde a regata de circum-navegação cumpre uma paragem técnica na nona e última etapa, entre Lorient e Gotemburgo.

O Alvimedica vai ser o primeiro a partir no sábado, às 12:00 locais (11:00 em Lisboa), para as últimas 480 milhas náuticas da maior competição de vela oceânica do mundo, até Gotemburgo, 01:45 horas antes do chinês Dongfeng, de Charles Caudrelier, segundo a chegar à cidade holandesa.

Mapfre, Brunel, Abu Dhabi, Vestas Wind e SCA sucedem-lhes na partida, respeitando a ordem e a diferença na chegada, uma vez que apenas serão atribuídos pontos no final da etapa.

Com 19 pontos, o Abu Dhabi, do skipper Ian Walker, já assegurou virtualmente a conquista da sucessora da Whitbread, para a qual continuam em disputa os restantes lugares do pódio, tendo como pretendentes Brunel (27 pontos), Dongfeng (29), Mapfre (31) e Alvimedica (33).

A 12.ª edição da Volvo Ocean Race partiu em outubro de 2014 de Alicante termina, 38.739 milhas náuticas depois (71.750 quilómetros) a 22 de junho em Gotemburgo, depois de escalas em Cidade do Cabo, em Abu Dhabi (Emiratos Árabes Unidos), Sanya (China), Auckland (Nova Zelândia), Itajaí (Brasil), Newport (Estados Unidos), Lisboa e Lorient (França).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.