Lewis Hamilton e Max Verstappen como colegas de equipa na Red Bull? A hipótese esteve mesmo em cima da mesa, revelou Christian Horner, o diretor da equipa com sede em Milton Keynes, em entrevista ao 'Daily Mail'.

"Tivemos várias conversas ao longo dos anos sobre a contratação do Lewis. Ele e o seu agente contactaram-nos várias vezes.  Mais recentemente, no início do ano, quiseram saber se tínhamos algum interesse nele", admitiu Horner em declarações ao jornal inglês.

O diretor da Red Bull assumiu ainda que não consegue imaginar os dois pilotos a serem colegas de equipa. "Não consigo ver o Verstappen e o Hamilton a trabalharem juntos. A dinâmica da equipa não seria a adequada. Estamos 100% contentes com o que temos".

Hamilton terá também sondado a Ferrari sobre um possível lugar na equipa de Maranello.

"Ele também encontrou-se com o John Elkann [presidente da Ferrari]. Acho que houve conversações sérias... Foi por volta do [Grande Prémio] do Mónaco [em maio]. Houve definitivamente conversações, talvez até com o Vasseur", revelou Christian Horner à mesma fonte.

O piloto sete vezes campeão do mundo acabou mesmo por renovar contrato com a Mercedes até 2025, no final de agosto. Desta forma, a hipótese dos dois campeões do mundo serem colegas de equipa no próximo ano acabou mesmo por cair por terra.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.