A crise levantada pela pandemia de COVID-19 tem deixado as arenas de wrestling vazias, o que obriga a uma adaptação da WWE para gerar mais receitas. E por isso, a World Wrestling Entertainment (WWE) anunciou uma série televisiva competitiva chamada WWE Superstar Gaming Series, a ser transmitida na versão gratuita do seu serviço de televisão, na rede WWE e nas redes sociais da organização.

E no que consiste o WWE Superstar Gaming Series? Diversas estrelas da WWE vão digladiar-se, não nas arenas como habitualmente, mas frente ao computador e consolas a jogar títulos como Among Us e WWE 2K Battlegrounds contra alguns dos streamers internacionais mais populares, incluindo FaZe Adapt (Alexander Hamilton Prynkiewicz), Nicholas “Nick Eh 30” Amyoony, Lele Pons (Eleonora Pons Maronese), e o rapper Wale (Olubowale Victor Akintimehin).

Do lado dos musculosos wrestlers, conte com as estrelas Ronda Rousey, The Miz, Liv Morgan, Adam Cole, Tyler Breeze, Shayna Baszler e Jessamyn Duke.

O anfitrião de serviço será Greg Miller da Kinda Funny Games, acompanhado da estrela da WWE Xavier Woods.

Ainda não se sabe se o programa será transmitido de forma regular ou se será um evento único. De recordar ainda que a WWE obrigou aos seus atletas pararem as suas transmissões particulares na Twitch e outras plataformas. As novas regras internas proíbem os atletas de usarem plataformas fora da rede da WWE, mesmo nos seus momentos de folga. Os lutadores visados foram AJ Styles (Allen Neal Jones), Cesaro (Claudio Castagnoli), Mia Yim (Stephanie Bell), Zelina Vega (Thea Megan Trinidad) e Aleister Black (Tom Budgen), como avança a Esports Observer.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.