Enzo Fittipaldi venceu a primeira prova do ano do F1 Esports Virtual Grand Prix realizado no circuito virtual Red Bull Ring na Áustria e o seu irmão Pietro Fittipaldi conseguiu obter o quinto posto pela equipa Haas. Os netos do bicampeão do mundo da Fórmula são rivais virtuais do filho de outra estrela da competição: Nicolas Prost, que procura a glória do seu pai Alain Prost no volante virtual.

No próximo fim-de-semana realiza-se mais uma prova do F1 Esports Virtual Grand Prix, baseado no jogo oficial de F1 da Codesmarts, na pista virtual de São Paulo. Na semana passada, George Russel, o piloto da Williams venceu o circuito virtual de Silverstone, colocando-se bem posicionado na tabela, juntando as quatro vitórias obtidas em 2020 nas pistas de Espanha, Mónaco, Azerbaijão e Canadá.

O piloto apenas ficou de fora no evento da Áustria, que deu vitória a Enzo Fittipaldi. O Brasil poderá ser talismã para a sua sexta vitória consecutiva, caso vença. A ocupar a segunda posição está o piloto da Academia Ferrari, Arthur Leclerc.

nicolas prost
Nicolas Prost é filho de Alain Prost, participantes no campeonato do mundo de Formula 1 virtual. (C) Wikipedia

No final do campeonato virtual será distribuído um prémio monetário de 100 mil dólares, mas em vez de ser partilhado entre os pilotos, os melhores classificados vão escolher uma instituição de caridade para o qual desejem contribuir com a sua parte. Além de pilotos das competições reais em diferentes categorias em prova, parados devido à situação pandémica no mundo, estão também envolvidos na competição virtual algumas figuras públicas internacionais, como o comediante francês Arnaud Tsamere e os pilotos de motas Rohan Dennis e Jake Dixon.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.