O Boavista, da I Liga, empatou hoje 1-1 frente aos espanhóis do Celta de Vigo, orientados pelo treinador português Carlos Carvalhal, num duelo particular decorrido na paragem dos campeonatos para o Mundial2022 de futebol.

Iago Aspas colocou em vantagem o clube galego, que está a arrancar as comemorações do seu centenário, mas o eslovaco Róbert Bozeník igualou antes do intervalo, resultado que permaneceria até ao final do confronto disputado no Estádio de Balaídos, em Vigo.

O Boavista, 11.º colocado da I Liga, com 17 pontos, jogou de início com João Gonçalves, Pedro Malheiro, Reggie Cannon, Rodrigo Abascal, Bruno Onyemaechi, Sebastián Pérez, Ibrahima Camará, Bruno Lourenço, Ricardo Mangas, Salvador Agra e Róbert Bozeník.

Robson Reis, Luís Santos, Bernardo Silva, Gaius Makouta, Ilija Vukotić, Miguel Reisinho, Joel Silva, Masaki Watai e Yusupha foram suplentes utilizados pelo treinador Petit, sendo que Gonçalo Paciência alinhou do lado do Celta de Vigo durante a etapa complementar.

Carlos Carvalhal assumiu no início de novembro o comando dos galegos, que ocupam o 17.º posto da Liga espanhola, primeiro acima da zona de despromoção, com 12 pontos.

O Celta de Vigo vai regressar à competição oficial em 22 de dezembro, quando visitar o Gernika para a segunda ronda da Taça do Rei, enquanto o Boavista, já apurado para os quartos de final da Taça da Liga, recebe o Vitória de Guimarães já na segunda-feira, às 20:30, no Estádio do Bessa, no Porto, em duelo da terceira e última jornada do Grupo F.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.