A Polícia de Segurança Pública adianta que vai estar mais atento na final da Taça de Portugal entre Benfica e Vitória de Guimarães, depois do atentado de Manchester.

Em conferência de imprensa realizado no relvado do Estádio Nacional, no Jamor, o Subintendente da PSP, Pedro Marques, explicou que as autoridades tem um conjunto de medidas planeadas, umas visíveis, outras menos visíveis, no que toca a segurança.

"Desde 2015 a esta data que a PSP tem tomado diversas medidas adicionais de segurança, umas mais visíveis que outras. Tem sido constante a implementação destas medidas nos jogos de futebol. Já tínhamos algumas medidas pensadas, direcionadas para este tipo de fenónemos que infelizmente tem marcado a atualidade", explicou.

Vinte e duas pessoas morreram, além do atacante, e 64 ficaram feridas, 20 em estado crítico, num atentado suicida após um concerto da atriz Ariana Grande, na noite de segunda-feira na Arena de Manchester, ato reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

A final da Taça de Portugal, que se realiza este domingo, será disputada entre o Benfica e o Vitória de Guimarães. O encontro será dirigido pelo árbitro Hugo Miguel.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.