A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) garantiu hoje estar em "contacto permanente" com a Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a propagação do surto de coronavírus Covid-19.

"A FPF, através da Direção Clínica da sua Unidade de Saúde e Performance, está em contacto permanente com a DGS desde o início do ano e continuará a seguir todas as indicações e recomendações resultantes dessa autoridade de saúde", lê-se, num comunicado.

De acordo com o organismo federativo, "a Unidade de Saúde e Performance da FPF elaborou e colocou em prática um plano específico de higienização de todo o complexo da Cidade do Futebol".

A mesma unidade "acompanha clinicamente em permanência árbitros ou seleções que se desloquem a Portugal vindas de zonas consideradas de propagação ativa, na definição dada pela DGS", refere a FPF.

O balanço provisório da epidemia do coronavírus Covid-19 é de pelo menos 2.763 mortos e cerca de 81 mil infetados, de acordo com dados reportados por mais de 40 países e territórios.

Das pessoas infetadas, quase 30 mil recuperaram.

Além de 2.717 mortos na China, onde o surto começou no final do ano passado, há registo de vítimas mortais no Irão, Coreia do Sul, Itália, Japão, Filipinas, França e Taiwan.

A Organização Mundial de Saúde declarou o surto do Covid-19 como uma emergência de saúde pública de âmbito internacional e alertou para uma eventual pandemia, após um aumento repentino de casos em Itália, Coreia do Sul e Irão nos últimos dias.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.