A Liga de futebol da Bélgica mudou para o formato de 18 equipas, forçada a deixar o modelo de 16 clubes pelo facto do tribunal ter ordenado a manutenção do Waasland-Beveren no campeonato principal.

O Beveren foi relegado para a segunda divisão quando no início de abril o campeonato foi prematuramente dado como terminado devido à convid-19, porém recorreu dessa decisão para a justiça, que agora lhe dá razão.

Ao garantir a manutenção, a Liga principal ficaria com um complexo sistema de 17 equipas, pelo que as que duas formações que disputam este fim de semana o ‘play-off’ de campeão da segunda divisão vão ser ambas promovidas, para se completarem as 18.

Se não cumprisse com esta decisão judicial, a Liga teria de pagar uma multa de 2,5 milhões de euros por cada jornada disputada sem o Beveren.

O Clube Brugge, que liderava com 15 pontos de avanço, antes de se disputar o ‘play-off’ com as seis melhores equipas, foi campeão, o 16.º título no seu historial.

O campeonato belga foi o primeiro da Europa a ser dado como antecipadamente concluído devido à covid-19, exemplo que foi seguido também pela França e Holanda.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.