O número 7 dos “merengues” soma um total de 197 tentos, divididos por Sporting (cinco), Manchester United (118), Real Madrid (44) e as diversas selecções nacionais (30), dos sub-20 aos “AA”, passando pelos sub-21 e os olímpicos.

Cristiano Ronaldo, bem mais extremo do que avançado no início da carreira, começou a destacar-se sobretudo pelas assistências, as fintas estonteantes, a velocidade, os truques e a forma como “bailava” perante os adversários.

Assim, as quatro primeiras épocas não foram muito produtivas em matéria de golos, nomeadamente a primeira (2002/2003), ao serviço do Sporting.

Com 17 anos, estreou-se a marcar como profissional a 7 de Outubro de 2002 e logo com um “bis”, na recepção dos “leões” ao Moreirense, para a sexta jornada do campeonato: marcou aos 34 minutos, após um grande “slalom”, e aos 90, de cabeça, “à Jardel”, então seu companheiro de equipa.

Na primeira época totalizou oito golos, os mesmos da segunda (2003/2004), a de estreia no Manchester United, de Alex Ferguson, que ficou encantado com Ronaldo num particular de pré-temporada em Alvalade e levo-o para Inglaterra.

Nas duas épocas seguintes, apontou 18 golos em 2004/2005 e 15 em 2005/2006, até que, em 2006/2007, despertou para os golos: melhorou muito na hora de atirar à baliza, como em tudo o resto, totalizando 28.

Os 15 tentos que conseguiu na “Premier League” valeram-lhe mesmo o terceiro lugar entre os marcadores da prova, no que foi, porém, apenas um “aperitivo” para o que se seguiu.

Em 2007/2008, somou nada menos do que 46 golos e logrou o impensável: depois do “rei” Eusébio e de Fernando Gomes, “calçou” a “Bota de Ouro”, com 31 golos na Liga inglesa, sendo igualmente o “rei” na Liga dos Campeões.

Talvez frustrado por não o terem deixado partir, “ficou-se” pelos 27 golos em 2008/2009, na despedida do Manchester United, mas, ainda assim, quase repetiu a coroa de melhor marcador do campeonato inglês – foi segundo, a um tento do gaulês Nicolas Anelka (Chelsea).

A época passada, a primeira no Real Madrid, ficou marcada por uma lesão, que só lhe possibilitou disputar 46 encontros, mas, ainda assim, chegou aos 34 golos, 33 dos quais em apenas 35 encontros pelos “merengues”.

Na presente temporada, com José Mourinho (Real Madrid) e Paulo Bento (selecção lusa) a comandá-lo, Ronaldo não marcou nos primeiros jogos, mas engrenou rapidamente e já vai em 13 golos, em apenas 14 jogos.

- Os 197 golos de Cristiano Ronaldo:

Golos por clube e selecção: J G
Sporting (2002/2003) 31 5
Manchester United (2003/2009) 292 118
Real Madrid (desde 2009) 47 44
Selecção sub-21 (2002/2003) 6 2
Selecção sub-20 (2002/2003) 5 1
Selecção olímpica (2003/2004) 3 2
Selecção "AA" (desde 2003) 78 25
Total: 462 197
Golos por competição: J G
Liga portuguesa 25 3
Liga inglesa 196 84
Liga espanhola 37 36
Taça de Portugal 3 2
Taça de Inglaterra 26 13
Taça do Rei de Espanha 1 0
Taça da Liga inglesa 12 4
Supertaça inglesa 1 0
Taça UEFA 2 0
Liga dos Campeões 65 24
Mundial de clubes 2 1
Selecção "AA"
Europeu (FF) 9 3
Europeu (qual.) 15 10
Mundial (FF) 10 2
Mundial (qual.) 19 7
Particulares 25 3
Selecção sub-21
Europeu (qual.) 3 1
Particulares 3 1
Selecção sub-20
Torneio de Toulon 5 1
Selecção olímpica
Jogos Olímpicos Atenas2004 2 1
Particulares 1 1
Total: 462 197
Golos por época:
2002/2003 42 8
2003/2004 53 8
2004/2005 63 18
2005/2006 62 15
2006/2007 61 28
2007/2008 61 46
2008/2009 60 27
2009/2010 46 34
2010/2011 14 13
Total: 462 197

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.