O treinador do PSV lamentou hoje o golo sofrido «em cima» do intervalo, considerando-o decisivo no desfecho da partida (2-2) de Eindhoven, que confirmou a qualificação do Benfica para as meias-finais da Liga Europa de futebol.

Fred Rutten assinalou que, depois de o PSV ter ganho confiança com os golos que colocaram a equipa de Eindhoven em vantagem (2-0) e perto de ficar à frente na eliminatória – o 3-0 colocava os holandeses na próxima ronda -, o golo de Luisão «nos últimos segundos da primeira parte» retirou essa confiança à equipa da “casa” e moralizou os “encarnados”.

Quanto ao lance do segundo golo do Benfica, o do empate, marcado por Cardozo já no segundo tempo, na transformação de uma grande penalidade, o técnico atribuiu-o à «inexperiência» dos seus jogadores, considerando escusada a falta cometida.

No entanto, e apesar da eliminação aos pés da equipa da Luz, Rutten não parece ter ficado impressionado por aí além com o valor do Benfica, e, quando questionado sobre se vê potencial nos "encarnados" para vencerem a competição, respondeu laconicamente: «Tenho dúvidas».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.