Jorge Jesus saiu a terreno para esclarecer que não culpou Palhinha pela derrota no Dragão. Na antevisão do jogo com o Moreirense, o técnico do Sporting explicou o que quis dizer e assumiu as responsabilidades pela forma como o jovem médio jogou.

"Aquilo que eu disse foi que o Palhinha não levou o guião certo e normalmente nas minhas equipas quem passa o guião aos jogadores sou eu. A responsabilidade das ideias é minha, os guiões sou eu que os transmito à equipa. Se eu disse que ele não levava o guião certo, a responsabilidade é minha, eu não lhe transmite bem, Palhinha tem muito futuro, quiseram-lhe arranjar problemas psicológicos, durante a semana nem treinou, ficou tão afetado com o problema psicológico, mas hoje recuperou, leu a entrevista do Javi García e recuperou logo", respondeu, aludindo a uma entrevista de Javi Garcia ao jornal ´Marca` onde afirmou que Jesus foi o melhor treinador que teve.

O técnico sublinhou ainda que foi mal interpretado e que isso foi feito de forma intencional.

"Foi o problema do Palhinha, a forma como quiseram transmitir uma ideia completamente diferente. Tenho de estar preparado para isso, há marca desportivas que estão há muito tempo no topo e vendem muito : 'cotovelito'. É a marca que mais vende em Portugal", acrescentou, na conferência de imprensa de antevisão do jogo com o Moreirense.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.