O Sporting empatou este domingo com o Vitória de Guimarães a 1-1 em jogo a contar para a 24ª jornada do campeonato nacional. Alan Ruiz abriu o marcador em Alvalade após assistência de Bas Dost, mas um golo de Marega já no decorrer da segunda parte acabou por fixar o resultado final.

Menos de 24 horas depois das eleições presidenciais, o Estádio de Alvalade voltou a receber milhares de adeptos do Sporting para o jogo da 24ª jornada do campeonato nacional. O Vitória de Guimarães apresentou-se em Lisboa com vontade de dar seguimento ao triunfo na última jornada, enquanto que a equipa de Jorge Jesus procurava o quarto triunfo consecutivo para o campeonato nacional. Ricardo Esgaio no lado esquerdo da defesa leonina foi o principal destaque no Sporting.

Com as bancadas ao rubro, o Sporting procurou desde muito cedo dar aos adeptos mais um motivo para celebrar depois da grande vitória de Bruno de Carvalho nas eleições presidenciais. Gelson procurou os desiquilíbrios, mas encontrou oposição à altura de Konan. O Vitória de Guimarães apresentou-se na expectativa em Alvalade e procurou através de Hurtado e Hêrnani lançar rápidos contra-ataques para a finalização de Marega.

No entanto, apesar do bom futebol praticado entre ambas equipas, a primeira parte pautou-se pela falta de ocasiões flagrantes de golo. Na passagem da meia-hora de jogo, o Sporting acabou por conseguir adiantar-se no marcador depois de uma iniciativa individual de Ricardo Esgaio no lado esquerdo a cruzar para o coração da área vimaranense onde Bas Dost com uma assistência de grande nível para trás, serviu Alan Ruiz para o remate do argentino. Feito o 1-0, as bancadas de Alvalade pediram mais. Gelson e Bruno César tentavam encontrar linhas de ruptura, mas Bryan Ruiz não conseguiu assistir Alan Ruiz e Bas Dost. E foi o avançado holandês quem acabou por assistir Bruno César para uma situação flagrante de jogo aos 37 minutos, mas o lance acabou por perder-se.

Aos 42 minutos, o Vitória de Guimarães pediu uma grande penalidade na sequência de um lance entre Hêrnani e Esgaio, mas o árbitro mandou seguir o jogo que foi para intervalo sem alteração no resultado.

No segundo tempo, o Vitória de Guimarães entrou no jogo em desvantagem, e com a obrigação de lutar por outro resultado. O Sporting entrou dominador, mas sem grande intensidade. A equipa de Pedro Martins foi ganhando confiança nas investidas na área contrária, e o perigo começou a surgir com maior regularidade junto à baliza de Rui Patrício.

Aos 76 minutos, Marega recebeu uma bola de um cruzamente atrasado de Bruno Gaspar, e com um remate colocado, o maliano terminou o seu longo jejum de golos ao fazer o 1-1. O avançado do Vitória de Guimarães não marcava um golo desde 30 de outubro do ano passado, e passou a somar um total de 11 golos no campeonato nacional.

Até ao final, o Sporting procurou desfazer o empate, mas sem criar grandes situações de perigo junto à área do Vitória de Guimarães. Com este resultado, o Sporting manteve-se no terceiro posto, com 48 pontos, a 11 do FC Porto, segundo, e 12 do líder Benfica, enquanto os minhotos permanecem em quinto, com 40, a dois do Sporting de Braga, terceiro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.