O avançado francês Kylian Mbappé minimizou com humor o desentendimento entre seus dois colegas de equipa no Paris Saint-Germain, Neymar e Edinson Cavani, durante o particular de sexta-feira entre Brasil e Uruguai, citando um "duelo" banal entre dois jogadores.

Neymar foi ao chão após uma entrada dura do uruguaio nos minutos finais do particular que o Brasil venceu por 1-0, em Londres. O brasileiro contorceu-se de dor, sob o olhar de Cavani, e não aceitou quando o adversário estendeu a mão para ajudá-lo a levantar-se.

Os dois jogadores envolvidos no lance minimizaram o incidente após o jogo.

"Eu mandei um vídeo do lance no Whatsapp ao Neymar e ele riu-se", relativizou Mbappé neste domingo em conferência de imprensa no centro de treinos da seleção francesa em Clairefontaine, perto de Paris.

"Não foi nada, foi um duelo, eles defendiam os seus países e tinham razão. Os dois deram tudo de si, é um duelo e é preciso ir para cima", completou o jovem francês.

"Isso não vai impedi-los de se abraçarem no PSG e marcar golos juntos", concluiu Mbappé.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.