O St. Pauli, da segunda divisão alemã, prepara-se para jogar com um equipamento fabricado por si mesmo na próxima época, depois de não conseguir encontrar um fornecedor que cumprisse os seus requisitos de sustentabilidade.

"Debaixo do lema 'Se queres algo feito, faz tu mesmo', o St. Pauli tem como objetivo produzir a coleção de equipamento desportivo mais sustentável do mundo com a sua própria marca", disse o clube em comunicado.

"Uma vez que nenhum fornecedor externo foi capaz de ir de encontro a todos os nossos critérios, o próprio clube assumirá a responsabilidade da produção no futuro".

A jogar sob o seu famoso logotipo da caveira e dos ossos cruzados, o clube de Hamburgo tem uma reputação de assumir uma postura de esquerda contra o racismo, o sexismo, o fascismo e a homofobia. No passado, o St. Pauli produziu o seu próprio mel para sensibilizar para o declínio da população de abelhas.

O diretor de vendas do clube Bernd von Geldern afirma que o objetivo é a "sustentabilidade e condições de trabalho justas" para o equipamento têm data de lançamento para o próximo mês de maio.

"Ao lançar a nossa própria coleção de equipamento desportivo, prosseguimos no nosso caminho pela independência", acrescentou o presidente do clube Oke Goettlich.

Na última sexta-feira, o St. Pauli anunciou que o seu acordo com a americana Under Armour seria descontinuado no final da presente época, em maio.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.