A seleção cabo-verdiana de futebol cumpriu hoje, no Estádio da Várzea, mais um treino com vista ao jogo de sábado com a Guiné Equatorial a contar para quarta jornada das eliminatórias africanas para o Mundial 2014, no Brasil.
Na sessão que terminou já ao anoitecer, o selecionador Lúcio Antunes privilegiou o ataque continuado com posse de bola e marcação de grandes penalidades por parte de alguns jogadores, principalmente Heldon "Nhuc", que milita no Marítimo de Portugal.

Durante o treino registou-se, à semelhança das últimas sessões, a boa disposição do grupo, assim como uma entrega dos futebolistas aos trabalhos.

Sobre a alegada vitória na “secretaria” sobre a Guiné Equatorial, nem a equipa técnica nem os jogadores quiseram comentar, considerando que o foco está virado para o jogo de sábado, o qual querem vencer, independentemente de qualquer decisão da FIFA.

Em termos de condição física dos jogadores, a Inforpress apurou junto do departamento médico da seleção que não existem mazelas de qualquer jogador, sendo que os que se encontravam no departamento clínico estiveram hoje à disposição da equipa técnica.

O jogo contra a Guiné Equatorial reveste-se de particular importância, porque os "Tubarões Azuis", como é conhecida a seleção cabo-verdiana, pretendem continuar a alimentar a esperança de ainda chegar ao Mundial do Brasil.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.