O antigo jogador do FC Porto e Manchester United, Anderson, transferido recentemente para o Internacional de Porto Alegre, proporcionou uma situação curiosa no encontro da Taça Libertadores entre o Internacional e o The Strongest ao receber oxigénio.

A jogar em La Paz, a cerca de 3500 metros de altitude, o internacional brasileiro sentiu dificuldades em respirar e acabou mesmo substituído aos 37 minutos de jogo.

Completamente esgotado, Anderson sentou-se no banco de suplentes e foi presenteado com… uma bomba de oxigénio. Isto, numa altura em que a formação de Porto Alegre já perdia por dois golos de diferença.

O encontro acabou com a vitória da formação boliviana por 3-1, em jogo disputado no estádio Hermando Siles.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.