O Corinthians, de Vítor Pereira, ficou em situação muito difícil nos quartos de final da Taça dos Libertadores de futebol, ao perder em casa na terça-feira diante do Flamengo, em jogo da primeira mão, por 2-0.

Os paulistas foram incapazes de assumir o jogo, ao contrário do Flamengo, que marcou dois golos, por De Arrascaeta, aos 37 minutos, e Gabriel Barbosa, aos 51, e esteve sempre mais perto de fazer o terceiro.

“Não entrámos em organização ofensiva, estávamos sempre em transição. (…) Não conseguimos pressionar e pronto, a parte final foi um bocadinho sofrida, foi sofrível, eles poderiam ter feito um ou mais golos”, disse no final Vítor Pereira.

O treinador lamentou também a ‘distração’ no primeiro golo do Flamengo, com os seus jogadores a reclamarem depois da bola ter batido no braço de um adversário, sem pressionarem De Arrascaeta, que num remate em arco, sem oposição, inaugurou o marcador.

“O problema são os detalhes que definem esse tipo de jogo. Ficámos a reclamar de uma possível mão e demos espaço para o adversário. Hoje, não sei porquê, mas o jogo posicional quase não nos permitiu a fazer as combinações que estamos acostumados a fazer”, lamentou o treinador.

Vítor Pereira sublinhou também a diferença de ‘argumentos’ nos dois plantéis: “Temos qualidade, não há dúvida, mas temos que ter toda a gente disponível, não foi o caso”, disse o técnico, em alusão às ‘baixas’ de Willian e Renato Augusto.

A segunda mão da eliminatória está agendada para 09 de agosto (madrugada de 10 em Lisboa), em casa do Flamengo.

Nos ‘quartos’ da ‘Libertadores’ está ainda o bicampeão Palmeiras, de Abel Ferreira, que hoje, já madrugada em Lisboa, visita o campeão brasileiro Atlético Mineiro, na primeira mão da eliminatória.

O treinador português Pedro Caixinha também disputa esta fase da competição, com o Talleres Córdoba a jogar hoje em casa do Velez Sarsfield, enquanto na quinta-feira o Athletico Paranaenses completa os ‘quartos’ frente aos Estudiantes.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.