O presidente do Bayern Munique, Uli Hoeness, veio a público afirmar que o valor pedido pelo Manchester City para vender Leroy Sané está bastante acima do que os bávaros pretendiam desembolsar.

"É muito improvável que o negócio se concretize. O valor exigido pelo Manchester City é uma loucura", referiu o dirigente, em declarações à revista alemã Kicker.

Recorde-se que o Bayern já gastou cerca de 80 milhões de euros na contratação de Lucas Hernández, jogador que pertencia ao Atlético de Madrid.

Segundo as notícias mais recentes da imprensa internacional, o Manchester City pedia 100 milhões de euros por Sané, enquanto o Bayern não passa dos 50 milhões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.