O Borussia Dortmund foi multado em 75 mil euros pela Liga Alemã, depois de os seus jogadores terem violado o protocolo anti-COVID.

Após o triunfo por 4-0 sobre o Schalke04 no último sábado, centenas de adeptos receberam a equipa em clima de absoluta euforia no centro de treinos, pela vitória no 'Revierderby'. Alguns jogadores, como Emre Can e o avançado Erling Haaland, filmaram o momento e publicaram nas redes sociais. Os atletas estavam dentro do autocarro do clube mas algumas não tinham máscara e não respeitavam o distanciamento social, em clara violação do protocolo para a COVID-19.

Após tomar conhecimento do caso, o Borussia Dortmund apressou-se a condenar a atuação dos seus atletas.

"Com toda a alegria compreensível com a vitória do dérbi, houve violações das regras da COVID-19, em público, durante a viagem de regresso da equipa ao centro de treinos, o que é intolerável. Cerca de 150 a 200 adeptos festejaram fora do centro de treinos, em alguns casos sem máscara e sem manter distância. Os jogadores comemoraram com eles - sem sair do autocarro - e alguns filmaram com exuberância. Só podemos pedir desculpa e prometer conversas com a polícia e todos os envolvidos o mais rápido possível, para entender como estas situações podem ser completamente descartadas em público no futuro", escreveu o Borussia Dortmund, em comunicado.

Apesar das desculpas, o clube acabou mesmo multado pela Liga Alemã.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.