O Leeds United, que compete na II Liga inglesa de futebol, retirou hoje uma fotografia do ex-líder da Al-Qaida Osama Bin Laden, que tinha sido colocada nas bancadas do estádio Elland Road.

Pelo facto de ter de efetuar os seus jogos à porta fechada devido à pandemia da covid-19, o clube teve a iniciativa de convidar os seus adeptos a enviarem uma foto sua ou de pessoas que lhes fossem queridas para serem colocados nas cadeiras do estádio.

No entanto, um adepto do Leeds United ‘denunciou’ que junto à sua fotografia aparecia outra do conhecido terrorista, o que levou o clube a retirá-la de imediato e a assegurar, através de um comunicado, que não permitirá mais imagens de ódio nas bancadas de Elland Road.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.