"Quero sair, procurar novos desafios, mas da maneira correta. Vou ser para sempre grato ao West Brom, aos adeptos e a todos os profissionais do clube que me acolheram, apoiaram e vibraram comigo nestas duas últimas temporadas. Vocês fazem parte da minha história", referiu Matheus Pereira.

O jogador deixou ainda críticas a quem duvidou do seu compromisso com o clube inglês.

"É muito errado alguém dizer que não tenho compromisso com o clube, já que sigo toda a minha rotina de treinos normalmente e dedico-me como sempre fiz. E é errado tentar sujar a minha imagem e o meu trabalho desta forma. Não quero deixar o clube pela porta dos fundos, jamais quis isso, já mais tentei isso", pode ler-se.

Na mesma publicação, Matheus Pereira revelou que recebeu, em julho passado, uma oferta financeiramente muito tentadora.

"Há pouco mais de três semanas recebi uma proposta que mudaria toda a minha vida e da minha família. (...) Para mim, conquistar a independência financeira aos 25 anos seria algo inimaginável", vincou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto