Poucos dias após ter apresentado o pedido de demissão do cargo de treinador principal dos norte-americanos do DC United, da MLS, ao ter falhado o acesso aos playoffs, Wayne Rooney poderá estar muito perto de voltar, desde já, a ter trabalho.

De acordo com a imprensa britânica, Rooney é o eleito para suceder a John Eustace no comando técnico do Birmingham City. Eustace foi despedido no final da passada semana, deixando o Birmingham no 6.º lugar do Championship, segundo escalão do futebol inglês.

De acordo com a edição desta terça-feira do jornal britânico The Sun, o nome de Rooney agrada a... Tom Brady. É que o lendário jogador da NFL é um dos principais investidores do Birmingham e ocupa mesmo, desde agosto, a presidência do conselho consultivo do clube.

Segundo aquela publicação, Rooney poderá vir a receber qualquer coisa como 1,7 milhões de euros anuais, quase três vezes mais do que o Birmingham pagava a Eustace.

Como treinador, Rooney, para além do DC United, que orientava desde 2022, também orientou, durante época e meia, o Derby County, entre 2020 e 2022, igualmente no Championship, não evitando que o clube caísse ao terceiro escalão do futebol inglês no final da temporada de 2021/22.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.