Cristiano Ronaldo respondeu à preocupação da dos italianos sobre falta de golos com dois tentos e ajudou a Juventus a ficar mais perto da final da Taça de Itália. Na primeira-mão das meias-finais da prova, a 'Vecchia Signora' voltou a contar com o contributo do português para bater o Inter Milão por 2-1 no Giuseppe Meazza.

Sem Lukaku, castigado, a equipa de Antonio Conte foi a primeira a marcar, aos nove minutos. Alexis Sanchez lançou Barella, o italiano centrou para o remate de primeira de Lautaro Martinez. Buffon 'borrou a pintura' e permitiu o 1-0 do Inter.

O empate chegaria aos 26 minutos por Cristiano Ronaldo, o homem que o 'Corriere dello Sport' dizia estar a marcar pouco. O VAR descortinou uma falta de Ashley Young sobre Cuadrado na área milanesa e alertou o árbitro Gianpaolo Calvarese, que marcou castigo máximo. Ronaldo não tremeu, como de costume e empatou com um remate fortíssimo para o meio da baliza.

Se no primeiro golo da Juventus foi Ashley Young a 'meter água', no segundo foi Skriniar e o guarda-redes Handanovic. Os dois ficaram indecisos sobre quem devia ir à bola, Ronaldo foi mais rápido, ganhou o esférico e atirou para a baliza deserta, aos 35 minutos. Asneira monumental do Inter e reviravolta para a Juventus.

O segundo tempo arrancou com uma grande oportunidade para cada lado: primeiro Bernardeschi a disparar aos 55 minutos para grande defesa de Handanovic. No minuto seguinte foi Demiral a fazer de guarda-redes e a evitar que o remate de Lautaro entrasse a baliza de Buffon. O turco, ex-Sporting, festejou como se de um golo se tratasse.

Andrea Pirlo, treinador da Juventus, retirou Cristiano Ronaldo de campo aos 76 minutos para lançar Alvaro Morata. Aos 69 tinha colocado Danilo, antigo jogador do FC Porto, no lugar de Federico Bernardeschi e Arthur na posição de Rodrigo Bentancur. Já Conte apostou no avançado Perisic e no médio Christian Eriksen nos lugares do lateral Ashley Young e do médio Vidal.

O Inter tentou o empate nos últimos minutos mas sem criatividade para bater a reforçada defensiva da Juventus.

A segunda-mão está marcada para o dia 09 de fevereiro, no Juventus Stadium.

Na outra eliminatória o Nápoles recebe a Atalanta esta quarta-feira no Estádio Diego Armando Maradona

Estas duas formações entram em campo já este fim de semana: o Inter joga no dia 05 de fevereiro em casa da Fiorentina, a Juventus joga no sábado, 06 de fevereiro, na receção à AS Roma, de Paulo Fonseca, na 21.ª ronda da Liga Italiana.

Ficha de jogo

Onze da Juventus: Buffon; Alex Sandro, Demiral, De Ligt, Cuadrado; Bentancur, Rabiot, McKennie, Bernardeschi; Kulusevski, Ronaldo.

Suplentes da Juventus: Szczesny, Pinsoglio, Chiellini, Danilo, Bonucci, Dragusin, Frabotta, Arthur, Chiesa, Fagioli, Peeters, Morata.

Onze do Inter: Handanovic; Skriniar, De Vrij, Bastoni, Darmian, Barella; Brozovic, Vidal; Young, Lautaro, Alexis.

Suplentes do Inter: Padelli, Radu, Gagliardini, Vecino, Kolarov, Sensi, Ranocchia, Perisic, Eriksen, D’Ambrosio, Pinamonti.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.