Maurizio Sarri aproveitou a antevisão da final da Taça de Itália, entre Juventus e Nápoles, agendada para esta quarta-feira, para responder ao presidente do conjunto napolitano, Aurelio Di Laurentiis, que criticou Sarri pela demora no anúncio de que iria sair para o Chelsea aquando da sua passagem pelo clube e pela falta de troféus no seu currículo.

Questionado sobre esta declarações, Sarri lembrou que conseguiu oito promoções, algo que, salienta, não está ao alcance de todos. "Irrito-me um pouco quando dizem que em Itália eu não ganhei nada. Consegui oito promoções em categorias muito difíceis. Sei que para os jornalistas é importante falar sobre a Liga dos Campeões e o Scudetto, mas garanto que é uma tarefa difícil subir oito vezes", referiu.

Depois, desvalorizou a questão. "Presidente do Nápoles? Estou focado apenas em ajudar os jogadores a ganhar um troféu para o clube e para os adeptos. Não penso em rivais ou em outras coisas, não estou interessado em polémicas", sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.