O Borussia Dortmund, com a ajuda de Raphaël Guerreiro, apurou-se hoje para segunda ronda da Taça da Alemanha de futebol, com um triunfo por 3-0 no campo do Munique 1860, emblema do terceiro escalão.

Na Baviera, com 15 mil adeptos nas bancadas no estádio do histórico clube germânico, caído há alguns anos nas divisões inferiores, Guerreiro foi titular no Dortmund e esteve no lance do primeiro golo da sua equipa, marcado pelo holandês Malen, aos oito minutos.

O Borussia, cinco vezes vencedor da prova, a última em 2020/21, resolveu a eliminatória na primeira parte, com o inglês Bellingham, aos 31 minutos, a aumentar a vantagem, e com Adeyemi, de apenas 20 anos, a fazer o que seria o resultado final, aos 35.

Na frente de ataque e a tempo inteiro, o Borussia Dortmund lançou o ‘prodígio’ de 17 anos Youssoufa Moukoko.

Em frente na prova, segue também o Estugarda, que no seu historial levantou a taça em três ocasiões, a última em 1996/97, ao vencer no terreno do Dynamo Dresden, igualmente da terceira divisão, por 1-0.

Tiago Tomás, emprestado pelo Sporting, foi titular no ataque do Estugarda, mas acabou substituído aos 85 minutos, num encontro em que o macedónio Churlinov fez o único golo da partida, aos 33 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.