O presidente da Câmara Municipal de Óbidos afirmou hoje que o estágio de preparação da seleção portuguesa de futebol para o Euro2012, que ali decorre até sexta-feira, tem um retorno incalculável para a economia do concelho.

«Não é calculável, porque o retorno que gera a presença da seleção em restaurantes e hotéis tem impacto na economia local, mas mais importante e de maior dimensão é no plano imaterial, que é o facto de Óbidos ficar associado para sempre ao início da presença dos jogadores de elite portugueses numa competição desta dimensão», explicou Telmo Faria, em declarações à agência Lusa.

O edil considera que o «privilégio» de ter recebido a equipa das “quinas” durante 10 dias no concelho, pernoitando numa unidade hoteleira da Praia d’El Rey, tem o valor simbólico de que «Óbidos é dos melhores sítios para estagiar».

«Quando a seleção de Inglaterra vai para algum lugar mostra que é o melhor, a Espanha é igual e Portugal não pode ser exceção», referiu Telmo Faria, sem esconder o orgulho de ter sido o anfitrião da seleção lusa pela segunda vez, depois da preparação para o Euro2004.

Um orgulho que o autarca diz sentir nas ruas junto dos obidenses. «Acho que as pessoas estão muito contentes e prova disso é a presença nos treinos abertos à população, sobretudo no primeiro e no segundo treino», sublinhou.

«Sentem-se honradas em ver o nome de Óbidos a ser notícia, a ter uma notoriedade positiva. É um orgulho social, mas, mais que isso, é também uma forma de ajudar os negócios e promover o território. Uma das prioridades da nossa gestão é a aposta na economia do turismo, que sai potenciado com a seleção», salientou Telmo Faria, calculando que o estágio, que termina na sexta-feira, tenha «um saldo muito positivo».

Daí que, questionado sobre a despedida de Óbidos, marcada para sexta-feira, às 16h00, o presidente do município não hesite em antever um grande sucesso.

«Não tenho dúvidas nenhumas de que o centro histórico de Óbidos vai estar repleto, com crianças e adultos, numa grande resposta em força das pessoas, para verem os jogadores a passear e a cumprimentarem a população», afiançou.

Telmo Faria já calcula o impacto da iniciativa na projeção de Óbidos: «Nem imagino o valor promocional das fotografias tiradas no centro histórico repleto com um jogador da escala planetária como o Cristiano Ronaldo. São imagens que rapidamente correm o Mundo e são importantes na promoção».

Melhor para Óbidos, segundo Telmo Faria, só mesmo se a seleção portuguesa conseguir «o êxito desportivo que o país tanto precisa».

O Euro2012 realiza-se na Polónia e na Ucrânia, entre 08 de junho e 01 de julho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.