Um adepto inglês de 32 anos morreu, esta segunda-feira, em Sófia, capital da Bulgária, horas antes do encontro entre a seleção local e a de Inglaterra, relativo à qualificação para o Euro 2020.

As causas da morte ainda não foram reveladas, e de acordo com um porta-voz do Ministério do Interior da Bulgária, "o incidente ocorreu às 10 horas da manhã de hoje [segunda-feira]".

"É um cidadão britânico, tem 32 anos e foi levado ao hospital mas morreu e a polícia está a trabalhar para clarificar as circunstância", referiu, citado pelo Daily Telegraph, acrescentando que a vítima foi encontrada no "centro da cidade", em "condição desamparada".

De acordo com as informações da imprensa inglesa, o adepto em questão não se encontrava bem e requisitou uma ambulância para o levar ao hospital. Já na unidade de saúde, o homem começou a insultar funcionários hospitalares até que a polícia foi chamada ao local. A morte aconteceu quando o adepto estava a caminho da esquadra.

Fonte do Ministério das Relações Exteriores britânicas emitiu um comunicado onde não confirmou ainda as causas da morte, mas adiantou, por outro lado, que houve outra pessoa ainda ferida, num incidente distinto.

"A nossa equipa está a apoiar um britânico após um incidente em Sófia e está em contacto com a polícia búlgara", disse fonte do Ministério do Interior.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.