Portugal vai mesmo estar no próximo Europeu. A Equipa das Quinas confirmou a presença na Alemanha com a vitória diante a Eslováquia (3-2) e, no final do encontro, Roberto Martínez foi convidado a comentar o primeiro grande feito no comando técnico da Seleção.

"Estamos no bom caminho. Gostei muito do profissionalismo da equipa, do compromisso, dos níveis do balneário, e não é surpresa o talento individual que temos, mas foi uma surpresa agradável o compromisso dos jogadores com a Seleção", analisou, admitindo ainda assim que Portugal complicou ao não ter marcado mais golos:

"Podíamos marcar mais, mas o próximo passo é melhorar o que fizemos na segunda parte. Jogámos com o coração...", esclareceu.

O grupo não está fechado, mas Roberto Martínez reconhece que é mais difícil para novas caras entrarem: "Agora temos mais do que 23 jogadores para o Europeu. A porta está sempre aberta, mas para entrar é dificil, o nível é o dos que estão dentro de portas"

Para o duelo com a Bósnia na próxima segunda-feira, é expectável alguma rotatividade na equipa: "Vamos avaliar o estado físico dos jogadores e tomar decisões, mas não vamos mudar por mudar", atirou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.