O Manchester City apurou-se este sábado para os oitavos de final da Taça de Inglaterra, mas não se livrou de um grande susto. A equipa de Josep Guardiola venceu o Cheltenham, do quarto escalão do futebol inglês, por 3-1, mas à entrada para os dez minutos finais do encontro estava a perder e caminhava para a eliminação.

Alfie May começou por dar vantagem ao Cheltenham aos 59 minutos e Guardiola, que começou por deixar os três portugueses do plantel no banco, fez depoios entrar Rúben Dias e João Cancelo no decorrer do segundo tempo, com o lateral luso a fazer mesmo a assistência para o golo do empate, assinado por Phil Foden aos 81 minutos.

Um suspiro de alívio que foi ainda maior pouco depois, com a cambalhota no marcador, a seis minutos do fim, num golo assinado por Gabriel Jesus. Houve, depois, ainda tempo para Ferran Torres selar o resultado final em 3-1.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.