A guarda-redes internacional brasileira Letícia Izidoro, de 26 anos, que alinhava no Corinthians, disse hoje que vai jogar no Benfica para “continuar a fazer história na carreira”, depois das conquistas no futebol sul-americano.

“Para mim é uma honra estar aqui. Saí de um grande clube no Brasil e vim para um grande clube em Portugal. Espero poder fazer história, como fiz no Corinthians”, afirmou a guarda-redes, em conferência de imprensa.

Letícia Izidoro, que jogava no emblema paulista desde 2016, conquistou duas Taças dos Libertadores, em 2017 e 2019, dois campeonatos do Brasil, em 2018 e 2020, e uma Taça do Brasil, em 2016, ainda ao serviço do Osasco Audax.

Pela seleção brasileira, a nova guarda-redes dos ‘encarnados’ venceu a Copa América de 2018 e o campeonato sul-americano de sub-20 em 2014.

“Acho que precisava de novos desafios na minha carreira, porque tudo o que podia conquistar no Brasil eu conquistei. O Benfica é o clube certo para continuar a fazer história na minha carreira”, sublinhou, antevendo uma “disputa boa e saudável” com a compatriota Dani Neuhaus e com Carolina Vilão pela titularidade da baliza da ‘encarnada’, treinada por Filipa Patão.

O vice-presidente do Benfica Fernando Tavares considerou Letícia Izidoro como “uma das melhores guarda-redes do mundo”, considerando a contratação como mais uma demonstração do objetivo de “dar maior competitividade à equipa, a nível nacional e internacional”.

O Benfica, recente vencedor da primeira edição da Taça da Liga de futebol feminino, vai defender o título da Taça de Portugal, que conquistou em 2018/19, na terça-feira, em Aveiro, novamente frente ao Sporting de Braga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.