A futebolista espanhola Brenda Pérez, reforço da equipa feminina do Sporting para a época 2021/22, garantiu hoje que não tem “medo” de jogar o dérbi frente ao Benfica, no sábado, a contar para a Supertaça.

A média oriunda do Espanyol, da Liga espanhola, explicou, durante um encontro com a imprensa, na Academia Sporting, em Alcochete, que as companheiras de equipa já a puseram a par do ambiente de rivalidade que se vive entre os dois clubes, mas Brenda Pérez assumiu o desafio sem rodeios.

“Sim, explicaram-me muto bem essa rivalidade e não tenho medo nenhum. Pelo contrário, devemos ter sempre respeito por todos os rivais, mas nunca medo, porque temos de olhar para nós próprias, que trabalhamos para competir e ter ambição, que temos muita”, assegurou a jogadora.

A responder em espanhol, mas já com poucas dificuldades para entender as perguntas em português, Brenda lembrou que a Supertaça é um jogo em que se decide “tudo em 90 minutos” e que, por isso, “podem acontecer muitas coisas”, mas assumiu que se o Sporting tiver “atitude e competitividade, de certeza que vai conseguir” vencer as atuais campeãs nacionais.

“É um desafio e acho que nos preparámos muito bem para estar no máximo nível possível. Estou convencida que vamos conseguir, porque esta é uma equipa muito jovem, mas também muito competitiva e temos vontade de devolver o clube ao lugar que merece”, apontou.

Jogadora experiente, de 28 anos, Brenda Pérez definiu-se como “muito exigente” consigo própria, “mas também com as companheiras” de equipa, à qual pode “acrescentar veterania” porque, apesar de ser “jovem”, tem “muita experiência de primeira divisão lá fora, em muitas equipas”.

“Sou uma pessoa muito alegre, do tipo que faz um bom grupo, mas também muito séria na hora de trabalhar. Numa equipa tão jovem posso acrescentar essa ambição e competitividade que tem de nos caracterizar. Porque qualidade, temos todas. O que diferencia as equipas é a atitude e a competitividade”, advertiu a média.

Foi, também, porque se sentia “bloqueada, estancada” e que já não estava a aprender que sentiu que “precisava de mudar” para voltar a evoluir e atingir “um nível ainda mais alto” do que atingiu em Espanha que resolveu escolher o Sporting, apesar de ter “vários convites”, incluindo de outros clubes da Liga espanhola.

“O projeto que me apresentaram pareceu-me muito bom e ambicioso. E eu sou muito ambiciosa e competitiva, então não duvidei nem por um segundo quando o Sporting me contactou. Transmitiram-me boas vibrações que se confirmaram, depois, nos treinos. Estou muito contente por estar aqui”, concluiu Brenda Pérez.

A espanhola pode estrear-se oficialmente pelo Sporting no sábado, frente ao Benfica, em encontro da Supertaça feminina de futebol 2021/22 que se disputa às 17:30, no Estádio do Restelo, em Lisboa.

Após a discussão do primeiro troféu da época, o campeonato da Liga feminina arranca na semana seguinte, quando as ‘leoas’ visitam o Marítimo na primeira jornada da competição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.