O Bayern Munique emitiu, esta segunda-feira, um comunicado onde demonstra o seu desagrado perante a chamada de Lucas Hernández à seleção nacional de França.

O defesa-central tem estado lesionado e ficou de fora dos dois últimos jogos da equipa liderada por Niko Kovac. Nesse sentido, o clube informou a Federação Francesa de Futebol de que o futebolista não estaria disponível para os próximos compromissos dos campeões mundiais.

Ainda assim, Didier Deschamps convocou o jogador de 23 anos e afirmou mesmo que o defesa estaria disposto a jogar com apenas uma perna, algo que motivou uma troca de palavras de Karl-Heinz Rummenigge, presidente do emblema bávaro.

"Estou muito irritado com o comportamento da Federação Francesa. Gostaria de reforçar que o Lucas não jogou contra o Tottenham, na terça-feira, nem contra o Hoffenheim, no sábado. A declaração de Didier Deschamps, que disse que o Lucas estava disposto a jogar só com uma perna, foi muito surpreendente para nós", atirou Rummenigge, citado numa nota do clube.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.