Paul Scholes não dá muita importância ao Mundial de Clubes conquistado ao serviço do Manchester United em 2008. Na altura, os 'red devils' com Cristiano Ronaldo venceram o Liga do Quito do Equador.

"Obviamente que se estás lá queres ganhar, mas nunca foi algo que estivéssemos desesperados por ganhar. Se alguém me perguntar que troféus ganhei ao longo dos anos, não acho que vá mencionar o Mundial de Clubes", atirou Scholes, onde abordou ainda o triunfo do Liverpool nessa competição. "Pode ser que daqui a uns anos seja mais importante. O Liverpool parece ter gostado e celebrou a conquista. Mas quando nós jogávamos não era tão importante", atirou.

O antigo jogador disse ainda algo mais surpreendente quando questionado por Robbie Savage, entrevistador da rádio BBC, preferindo as conquistas no badminton durante a infância que a conquista do Mundial de Clubes.

"Provavelmente, a minha medalha de badminton", atirou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.