A direção do 4 de Abril está a preparar a documentação para formalizar a desistência do Girabola2016 por dificuldades financeiras, mas não tem data para o processo entrar na Federação Angolana de Futebol (FAF).

O presidente de direção do único representante da província do Cuando Cubango na prova, Bento Xavier, confirmou à imprensa hoje (quinta-feira), em Menongue, que já está a ser organizado o expediente administrativo para a apresentação oficial da desistência, sem entretanto precisar quando. O dirigente desportivo disse que na devida altura será enviada à FAF a documentação.

Segunda-feira, o presidente da mesa da assembleia geral da agremiação, Ernesto Kiteculo, anunciou publicamente a intenção de desistirem, tendo referido que para tal aspetos administrativos deveriam ser cumpridos. Quanto às hipóteses de reverter a situação, Bento Xavier ressaltou que, apesar dos "inúmeros" contactos e negociações realizadas, a desistência parece ser a única solução encontrada, dada à falta de financiamento.

O 4 de Abril, que faz esta época a sua estreia no principal campeonato de futebol, ocupa o antepenúltimo lugar com 16 pontos, quando estão disputadas 17 das 30 jornadas programadas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.