Victor Bondarenko poderá estar de saída do Kabuscorp do Palanca. O técnico russo tem estado debaixo de fogo nos últimos dias devido a fraca prestação dos Palanquinhas no Girabola´2012.

O Kabuscorp, vice-campeão angolano, está na sétima posição com 14 pontos em 30 possíveis, o que não tem agradado aos adeptos. As fracas exibições assim como os resultados menos positivos têm sido tema de conversa entre a massa adepta no bairro do Palanca, principalmente a fraca capacidade concretizadora da equipa (12 golos em 10 jogos).

Com um plantel de luxo, reforçado esta temporada pela estrela brasileira Rivaldo, o técnico Victor Bondarenko não tem conseguido tirar o melhor de atletas de nomeada como Mpele Mpele, Lunguinha, Borges, entre outros.

O Jornal dos Desportos avançou que o técnico só continuaria caso vencesse o jogo frente ao Petro de Luanda, algo que não veio a suceder. O empate arrancado frente aos Petrolíferos pode não ter sido suficiente e nos próximos dias poder-se-á assitir a mais uma chicotada psicológica no Girabola.

Nesta altura questiona-se também se os jogadores estarão com o seu treinador, depois das declarações do mesmo após a derrota frente ao ASA. O treinador culpou os atletas pelo desaire frente aos aviadores, algo que não deverá ter caído bem no seio dos jogadores.

A decisão está nas mãos de Bento Kangamba, presidente do Kabuscorp do Palanca.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.