O melhor marcador do FC Bravos do Maquis em 2015, Belchior Nejó "Chole", assinou por uma época pelo Kabuscorp do Palanca, terceiro classificado do Girabola2015, depois de ascender à equipa principal do Moxico há oito anos.

O facto foi revelado nesta segunda-feira à Angop pelo próprio, justificando que optou pelo clube do Palanca para dar uma nova perspectiva à sua carreira, além da necessidade de mudar de ares.

Formado nas escolas maquisardes (juvenil e júnior), o avançado que marcou 10 golos na última época, dos 28 da equipa, disse estar feliz com o ambiente na nova formação. “São colegas solidários e respeitosos. Foi bom também porque a maioria foram meus colegas em outros clubes e nas seleções inferiores, inclusive tendo o técnico Miller Gomes como selecionador”, reconheceu.

O jogador referiu ter ido para o Kabuscorp a convite do técnico Miller Gomes, depois de rejeitar propostas do campeão angolano, Recreativo do Libolo, e do vice-campeão 1º de Agosto.

Embora tenha ascendido à categoria sénior na equipa maquisardes em 2008, oriundo das camadas de formação do clube, Chole, 25 anos, começou a destacar-se a partir de 2012.

Depois de sofrer uma grave lesão no joelho direito em 2013, o camisola 9 recompôs-se em 2014, numa época “pálida” em que anotou dois golos. O seu melhor registo foi superado em 2015 com 10 tentos concretizados.

Na sua folha de serviço no Bravos do Maquis consta o título de campeão de Angola em júnior em 2007 e a Taça de Angola, edição 2015, já na equipa principal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.