O português João Paulo Costa, que já passou pela formação do Sporting e do Benfica, estreia-se este fim de semana no comando técnico do Recreativo do Libolo, campeão angolano em título e líder isolado do ‘Girabola’.

Segundo informação do clube do Cuanza Sul, o treinador português foi escolhido para substituir o francês Sebastien Desabre, dispensado no final de junho, ao fim de cerca de seis meses de trabalho, alegando a direção do Recreativo do Libolo "divergências" na "gestão do plantel da equipa", nomeadamente na "valorização dos seus ativos".

João Paulo Costa, de 43 anos, já integrava a equipa técnica do campeão angolano e chegou a orientar alguns jogos na ausência de Desabre. Antes de ingressar na equipa de Calulo, o português foi treinador-adjunto do Estoril Praia, treinador nas camadas jovens do Benfica, tendo integrado ainda a formação do Sporting, na Academia de Alcochete, informou o Recreativo do Libolo.

Com 15 jogos disputados - primeira volta concluída -, o Recreativo do Libolo lidera o campeonato angolano com 30 pontos, mais quatro do que o trio que ocupa a segunda posição, constituído por Benfica de Luanda, Kabuscorp do Palanca e 1.º de Agosto.

No regresso do ‘Girabola’, após uma paragem de cerca de um mês, o Libolo recebe no sábado a formação do 1.º de Agosto, de Luanda, no jogo grande da 16.ª jornada.

O francês Sebastien Desabre assumiu oficialmente o comando técnico do Libolo no início do ‘Girabola' deste ano, em fevereiro, substituindo o angolano Miller Gomes, com quem a equipa venceu o campeonato de 2014.

Depois de ter anunciado que iria fazer uma formação de treinador na Europa, Miller Gomes foi apresentado em abril como técnico do Kabuscorp do Palanca, vice-campeão de 2014 e campeão no ano anterior.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.