Também desceu de divisão, a Baixa de Cassanje, com 32 pontos, na 14.ª posição, em consequência da derrota frente ao Wiliete de Benguela, por 1-0, com golo de Kaporal, aos 50 minutos.

As duas formações acompanharam o Ferrovia do Huambo, que foi a primeira equipa a ser relegada da primeira divisão devido a sanção aplicada pela Federação Angolana de Futebol, por má inscrição de um atleta.

Para a mesma jornada esta tarde, o Progresso o Sambizanga venceu o Bravos do Maquis, por 2-0, e permaneceu na primeira divisão, na 10.ª posição, com 34 pontos.

Julinho, na primeira parte, e Bebucho, aos 78 minutos, marcaram os golos que garantiram a permanência do Progresso.

O Desportivo da Huila, por sua vez, venceu, por 1-0, a Académica do Lobito, após golo de Nuno, e terminou o Girabola na 11.ª posição, com 34 pontos.

O Sporting de Cabinda venceu o Kuando Kubango FC, por 2-0, após golos de Glaucio, e Hamilton, e terminou o Girabola, com 33 pontos, na 12.ª posição.

Sábado, no jogo que decide o título, o Sagrada Esperança, primeiro classificado, com 67 pontos, defronta o Petro de Luanda, segundo com os mesmos pontos, em Luanda.

O Recreativo do Libolo, treinado pelo português Ivo Campos, joga diante do Recreativo da Caála, enquanto o 1.º de Agosto defronta o Ferrovia do Huambo.

Tiago Azulão, do Petro de Luanda, é o melhor marcador da prova, com 16 golos, seguido por Dasfáa, do Interclube, com 11, e Mabululu, do 1.º de Agosto, com 10.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.