As autoridades chinesas anunciaram uma investigação contra o antigo treinador da seleção nacional masculina de futebol, Li Tie, e uma das maiores lendas do país enquanto jogador, sob a acusação de "graves violações da lei".

Num comunicado curto, a Comissão de Inspeção e Supervisão da Disciplina - o órgão anticorrupção do Partido Comunista - da província central de Hubei disse que estava a ser investigado pelas autoridades nacionais.

De acordo com notícias da imprensa local, nas últimas semanas surgiram rumores de que Li tinha sido detido enquanto participava num seminário para treinadores profissionais de futebol organizado pela Federação Chinesa de Futebol.

Li, 45 anos, que chegou a jogar em Inglaterra, no Everton, é um dos futebolistas mais destacados da história da China, tendo disputado 92 jogos pela equipa nacional e marcado cinco golos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.