Os jogos entre Anderlecht e Standard de Liège serão disputados sem adeptos visitantes até o final da temporada 2024/2025 devido aos inúmeros casos de violência ocorridos nos últimos anos, anunciaram os dois clubes mais importantes da Bélgica esta segunda-feira (11).

"Nos últimos seis anos, o 'Clássico' foi interrompido em quatro ocasiões", explicaram os clubes, que frequentemente sofrem punições da Real Federação Belga de Futebol (RBFA). Em dois desses incidentes, os jogos não foram interrompidos e depois não foram retomados.

Na quinta-feira da semana passada, nos oitavos de final da Taçada Bélgica, o encontro entre os dois emblemas foi interrompido e os adeptos vandalizaram o estádio, arrancando cadeiras e atirando petardos.

"O que deveria ser um dos grandes momentos do futebol belga costuma ser uma frustração para os adeptos do desporto nos últimos anos", lembraram os dois clubes, que querem "enviar uma mensagem importante: a violência não tem lugar dentro ou fora de um estádio de futebol".

Devido aos incidentes de quinta-feira, a RBFA deve punir ambos os clubes, que podem ser obrigados a jogar à porta fechada.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.