Foi revelado esta quarta-feira mais um episódio do escândalo sexual que tem abalado o futebol francês. Romain Molina, jornalista responsável pela investigação, apresentou hoje documentos que revelam abusos sexuais de árbitros menores por parte de Daniel Galletti, presidente do conselho de arbitragem da Îlle-de-France.

Foram divulgadas mensagens que o dirigente enviou a um árbitro de 16 anos através do Facebook, onde o primeiro propõe favores sexuais em troca de mil euros e progressão na carreira.

A mesma fonte indica que este tipo de episódios ocorreram ao longo de 40 anos, período onde foram apresentadas várias queixas, todas elas ignoradas pela Federação Francesa de Futebol (FFF).

Daniel Galletti terminou a sua ligação à FFF em Julho de 2022, sem que tal tenha sido oficialmente justificado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.