Através das redes sociais, Jorge Jesus classificou esta quinta-feira como falsa uma alegada entrevista publicada no jornal turco Cumhuriyet na qual o técnico português deixava críticas à gestão do atual presidente do Fenerbahçe Ali Koç.

Jesus garante que apenas falou à imprensa chegada a Portugal, na passada terça-feira, e salienta que manteve sempre uma boa relação com o líder máximo do clube turco.

"Hoje, gostaria de dizer algumas palavras sobre um amigo. Desde o meu primeiro dia no Fenerbahçe não tenho nada a apontar ao presidente Ali Koç, a não ser o apoio incondicional que sempre me deu. Não fiz qualquer comentário negativo na imprensa. A única entrevista que dei foi quando aterrei e nela falei bem do clube e do país", começa por escrever Jorge Jesus na sua conta oficial no Instagram.

"Portanto, aquele artigo publicado hoje jornal não é mais do que uma mentira. Senhor presidente Ali Koç, estou-lhe muito grato por tudo aquilo que fez por mim e pela minha família", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.