Depois de uma pré-temporada que prometia um arranque bem melhor, os "colchoneros" foram claramente derrotados no La Rosaleda, em Málaga, com o primeiro golo a ser apontado pelo marroquino Nabil Baha a 11 minutos do intervalo.

Na segunda parte, e apenas um minuto depois de Reyes ter entrado para o lugar de Simão Sabrosa (60), o Maiorca dilatou a vantagem, por intermédio de António Manu, confirmando em definitivo o triunfo a um minuto dos 90, por Xavi Torres.

Mais feliz foi o Athletic de Bilbau, adversário do Nacional no Grupo L da Liga Europa. O clube basco estreou-se na liga espanhola com um triunfo sobre o Espanyol, graças a um golo solitário de Gaizka Toquero, a 12 minutos do fim.

No sábado, Cristiano Ronaldo estreou-se a marcar em jogos oficiais pelo Real Madrid, na vitória por 3-2 sobre o Deportivo da Corunha.

O extremo luso "facturou" aos 35 minutos, de grande penalidade, colocando na altura o resultado em 2-1, depois do golo inaugural do merengue Raúl, aos 27, e do restabelecimento da igualdade por Riki, quatro minutos mais tarde.

No início da segunda parte, o veterano Valeron marcou para os forasteiros, e voltou a "gelar" o Estádio Santiago Bernabéu com novo empate mas, aos 60 minutos, Lass Diara garantiu, com um forte remate de fora da área, a primeira vitória do "milionário" Real Madrid na temporada 2009/10.

Na equipa titular, a formação da capital espanhola apresentou, além de Cristiano Ronaldo, os galácticos Kaká, Benzema e Xabi Alonso, enquanto o português Zé Castro jogou os 90 minutos no centro da defesa do Deportivo da Corunha.

O FC Barcelona, actual campeão espanhol e que sexta-feira conquistou a Supertaça europeia, só entra em campo na segunda-feira, na recepção ao Sporting de Gijon, no jogo que fecha a primeira jornada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.