O Barcelona sagrou-se campeão espanhol, ao vencer o Deportivo da Corunha por 4-2 no Riazor. Messi esteve em evidência e passou a liderar a lista dos melhores marcadores europeus.

O pequeno jogador do Barcelona marcou aos 40, 82 e 85 minutos. Philippe Coutinho abriu o marcador aos sete minutos, num encontro que esteve empatado a duas bolas. Lucas Perez aos 40 e Emre Colak 2 - 2 aos 64 fizeram os tentos do Deportivo, insuficientes para salvar o Corunha da descida.

Iniesta entrou para terminar a sua era no Barcelona com a braçadeira de capitão e campeão.

Os catalães, que somam 27 vitórias e oito empates, vão agora tentar acabar a prova invictos, o que ninguém consegue desde 1931/32, quando o Real Madrid ganhou com 10 triunfos e oito igualdades, em apenas 18 jogos.

Na tabela, o FC Barcelona, de Ernesto Valverde, passou a somar 86 pontos, em 34 jogos, contra 75 do Atlético de Madrid, em 35, e 71 do Real Madrid, em 34. Já o Deportivo da Corunha continua com os 28 pontos.

Este é o 25.º título de campeão do Barcelona,  o terceiro título em quatro anos, todos com ‘dobradinha’ (campeonato + Taça do Rei), o quarto em seis, o sétimo em 10 e o nono em 14, correspondente à ‘era’ Lionel Messi, o novo líder da ‘Bota de Ouro’, com 32 golos. Os 'culés' ficam a oito do Real Madrid, que tem 33 títulos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.