Kevin-Prince Boateng abriu o coração e em entrevista à Marca falou das escolhas erradas que fez. Recorde-se que o jogador esteve para assinar pelo Sporting no verão de 2015, mas acabou por permanecer no Schalke.

O médio de 29 anos representa atualmente o Las Palmas.

"Falou-se muito quando vim para aqui [Las Palmas], muitos diziam que vinha por causa das festas. Se quisesse festa tinha ido para Milão ou para Londres. A minha vida já teve muita festa. Queria vir para aqui para demonstrar que jogador sou e é por isso que trabalho todos os dias", afirmou o jogador.

Escolhas erradas

"Arrependo-me de muitas coisas. Quando era jovem não trabalhava muito, porque jogava só pelo meu talento. Esse não era o caminho certo. Agora arrependo-me de não ter trabalhado mais antes. Mas era normal nessa época. Era o 'chefe' do meu bairro, tinha fama e dinheiro. Para mim foi impossível lidar com a fama. De um dia para o outro tens tanto dinheiro que podes comprar tudo. Em dois anos gastei o meu dinheiro todo em carros, relógios, botas, discotecas, restaurantes e amigos que na realidade não o eram. Para um rapaz como eu, que cresceu num bairro pobre e sem dinheiro, era perigoso".

Questionado sobre quem é o melhor jogador da Liga Espanhola, o centrocampista apontou o duo habitual, mas referiu que um "não é humano".

"Cristiano [Ronaldo]. Tem direita, esquerda, cabeça, velocidade... Bem, neste planeta Cristiano Ronaldo. Leo Messi não é humano, é de outra galáxia".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.