O avançado espanhol Raúl de Tomás, que começou a temporada no Benfica e hoje joga no espanhol, disse hoje que se a Liga espanhola de futebol for retomada a equipa vai "dar tudo" para evitar a descida.

"Somos os primeiros a querer treinar e competir, mas logicamente tem de estar associado a um protocolo de segurança alto. Devemos ter condições ótimas para estarmos tranquilos e com a saúde assegurada", explicou, citado pelo clube.

O avançado lamentou ainda que o emblema catalão seja "a equipa que mais sofreu" com a pandemia de covid-19, mas explicou que o plantel trabalha para voltar "a 100% e conseguir a manutenção".

À data da suspensão dos campeonatos devido ao novo coronavírus, o Espanhol era 20.º e último classificado de ‘La Liga', com 20 pontos, seis abaixo dos lugares de manutenção.

Depois de iniciar a época 2019/20 no Benfica, com 17 jogos e três golos, mudou-se para os catalães em janeiro e marcou já cinco golos em sete partidas.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 227 mil mortos e infetou quase 3,2 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Cerca de 908 mil doentes foram considerados curados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.