O empresário do futebolista português Luisinho, Jorge Teixeira, esteve esta segunda-feira reunido com o presidente do Deportivo Corunha e salientou que o defesa tem de ser “reintegrado nos treinos do grupo.

O jogador português treinou à margem dos restantes companheiros, depois de ter sido protagonista no sábado de um desentendimento com o espanhol Alejandro Arribas, num incidente em que os dois futebolistas quase se agrediram.

“O presidente [Luis Carlos Correia] chamou o Luisinho para falar sobre o incidente. O Luisinho pediu desculpa, como já o tinha feito, e aproveitou para o fazer também a todos os adeptos do Deportivo, estando disponível para treinar”, referiu o empresário.

O defesa, de 30 anos, que tem contrato com o Deportivo até 2018, estará assim disponível para o treino de hoje à tarde, agendado pelo treinador Víctor Sánchez para as 17:30 (16:30 de Lisboa) na cidade desportiva de Abegondo.

Luisinho chegou ao Deportivo em 2013, proveniente do Benfica, e nas duas épocas realizadas na equipa galega foi quase sempre opção.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.