Felipe deixou o FC Porto no verão de 2019 para rumar ao Atlético Madrid. Em entrevista aos meios oficiais dos 'colchoneros', o central brasileiro revela que teve de provar o seu valor no clube.

"Quando cheguei do FC Porto, muita gente não me conhecia, precisava muito de jogar e de demonstrar o Felipe que eu era, que vinha a jogar desde o FC Porto até chegar ao Atlético. Acho que foi uma temporada incrível, acho que de todos os clubes onde cheguei foi o melhor e os adeptos também me aceitaram muito bem. Isso deu confiança para chegar, trabalhar e fazer o que tenho de melhor", começou por dizer.

"Quando cheguei, na apresentação tinha esse nervosismo, como se fosse a primeira vez, porque se trata de um clube muito grande, que é uma referência para muitos jogadores. Quando chegas a um nível tão alto, claro que tens esse nervosismo, mas tens de demonstrar dentro de campo também", acrescentou.

Felipe deixou ainda elogios a Jan Oblak, dono da baliza do Atlético: "Com Oblak sinto-me muito seguro, porque sabemos que o Atlético de Madrid é uma equipa que defende muito bem, então quando se passa algo, olhamos para trás e vemos um guarda-redes que é incrível. Para nós, para mim e para muita gente, é o melhor guarda-redes do mundo. Isso dá segurança."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.